O governador Pedro Taques (PSDB) minimizou o encontro que teve na semana passada com juíza aposentada Selma Arruda (PSL), que é pré-candidata ao Senado.

A reunião ocorreu na noite de sexta-feira (1º) na casa do tucano, no condomínio Florais, em Cuiabá.

Segundo Taques, houve conversa sobre o cenário político. Entretanto, negou que tenha feito qualquer convite à juíza aposentada visando as eleições deste ano. Até o momento, ele não disse abertamente que irá disputar a reeleição, apesar de já se movimentar nos bastidores.

“Eu recebi a Selma e o deputado Victorio Galli. Teve um suco de laranja e dois pedaços de bolo para cada um. O cardápio foi político. Político conversa de política. Eu estava na minha casa e conversei sobre política. Mas não fiz proposta nenhuma”, disse, em conversa com a imprensa, logo após um evento no Palácio Paiaguás, na segunda-feira (04).