Apesar da saúde pública em Cuiabá ser um verdadeiro caos, Emanuel Pinheiro (MDB) insiste com a politicagem na pandemia. O prefeito tem comemorado a derrota do governador Mauro Mendes (DEM) na Assembleia Legislativa, durante a votação do projeto que visava impor um lockdown de 10 dias através de antecipação de feriados.

Emanuel diz que o projeto foi uma “trapalhada” e que mostraria que o governador estaria “isolado”, já que nem o líder do governo, Dilmar Dal Bosco (DEM) teria votado no projeto.

Neste momento tão delicado e de estrema gravidade, o prefeito de Cuiabá continua demonstrando que suas ambições politicas estão a cima daquilo que é mais importante: o combate responsável à pandemia da Covid 19.