A pedido da bancada do PT no Senado, o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco, vai receber na próxima quinta-feira o ex-presidente Lula no Congresso.

Se Jair Bolsonaro e seus apoiadores já olhavam com desconfiança para o potencial presidenciável Pacheco, a abertura de conversa com Lula deve contribuir para o clima de distanciamento entre Congresso e Planalto.

Pacheco, claro, tende a explicar o encontro como o dever institucional de receber um ex-presidente da República para uma conversa, sendo ele chefe de poder.