logo

A taxa de ocupação de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) em Cuiabá apresentou alta nesta semana e alcançou o patamar de 80% de leitos em uso, como apontam dados do Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso (Sindessmat).

Os dados divulgados pela sindicato na terça-feira (25) apontam a alta em relação ao mesmo índice registrado na última semana na Capital, quando a taxa de ocupação era de 57%.

Em paralelo, 77,5% das enfermarias também estão em uso. No último informe divulgado pelo sindicato, o índice estava na casa dos 46%.

No comunicado, o Sindessmat aponta que os hospitais ainda têm capacidade de ampliação de leitos para que sejam atendidos pacientes com a covid-19.

“Sindessmat alerta que o crescimento na ocupação, comparado com a última semana, é visto como ponto de alerta e segue monitorando o comportamento do vírus no estado”, apontou o sindicato.

Alta no sistema público

Conforme a SES, Mato Grosso passou a contabilizar com a atualização mais de 397,6 mil contágios pela doença, dos quais em cerca de 10,7 mil casos as vítimas não resistiram ao vírus e morreram.

De acordo com a pasta, 87,9% das UTIs estão em uso atualmente, enquanto 41% das enfermarias também estão lotadas. Ambos os leitos apresentaram queda na taxa de ocupação, mas têm apresentado alto ao longo das últimas semanas.