O Internacional perdeu para o Olimpia nesta quinta-feira (22), nos pênaltis, e caiu nas oitavas de final da Libertadores. No tempo normal, o Colorado foi muito superior a equipe paraguaia, tendo até um pênalti desperdiçado por Edenilson, mas não conseguiu abrir o placar. Nas penalidades, Thiago Galhardo perdeu a última cobrança.

O Internacional foi dominante na primeira etapa, criando inúmeras oportunidades de gol durante os 45 minutos iniciais. O cartão de visita foi com Taison, após boa combinação com Yuri Alberto. O camisa 10 saiu cara a cara com o goleiro, mas chutou para fora. Pouco tempo depois, Taison finalizou novamente com perigo, dessa vez com a perna esquerda, mas a bola acabou acertando a trave.

Thiago Galhardo também teve boas chances de abrir o placar no Beira Rio. O lance mais claro envolvendo o atacante foi após levantamento na área de Moisés, que encontrou Galhardo na área. O jogador finalizou de primeira, mas acertou um defensor do Olimpia, no rebote a bola sobrou limpa para ele, mas o chute foi pela linha de fundo.

O Internacional finalmente conseguiu chegar ao gol com Taison, mas o lance acabou sendo anulado pela arbitragem. Thiago Galhardo fez boa jogada e encontrou Yuri Alberto na ponta direita. O centroavante cruzou para Taison, que completou para o fundo das redes, só que de forma irregular, segundo a arbitragem, que constatou um impedimento no lance.

Pênaltis perdidos custaram a classificação

Na volta do intervalo, o Inter seguiu com o ímpeto ofensivo e ficou muito perto de abrir o placar, mas teve um revés inesperado: Edenilson, referência na cobrança de penalidades, perdeu quando teve a chance na marca da cal, aos 20 minutos da etapa complementar. Depois de pênalti sofrido por Taison, o camisa 8 foi para a cobrança, mas parou no goleiro Aguilar.

O Colorado sentiu o pênalti perdido por Edenilson e não foi o mesmo depois do lance. A equipe comandada por Diego Aguirre teve controle do jogo, não cedeu espaços ao Olimpia, mas também não produziu com a mesma eficiência. O jogo foi caminhando em marcha lenta até chegar nas penalidades.

Nas cobranças de pênalti, melhor para o Olimpia. Os dois times converteram as oito primeiras cobranças, mas Thiago Galhardo, na quinto e decisivo pênalti do Inter, chutou para fora. Pelo lado paraguaio, Derlis Gonzáles converteu e classificou sua equipe para as quartas de final, em que enfrentará o Flamengo.

Próximos confrontos

O Internacional volta a campo neste final de semana, em jogo válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Colorado viaja ao Paraná para encarar o Athletico, no domingo (25), às 18h15.