Companheiro do meio-campista nos tempos de Liverpool, o técnico disse que ‘ninguém ganha o apelido de mágico por nada’

Steven Gerrard, treinador do Aston Villa, despistou sobre o possível interesse do clube em contar com o futebol do brasileiro Philippe Coutinho, jogador do Barcelona que não deverá continuar no clube catalão para a sequência da temporada. Companheiro do meio-campista nos tempos de Liverpool, o técnico disse que “ninguém ganha o apelido de mágico por nada”, mas preferiu não cravar que o clube inglês esteja negociando com o atleta. “Ele jogou pela seleção brasileira 63 vezes. Ele é um vencedor nato e foi incrível no Liverpool, então posso compreender porque ele está relacionado a tantos times”, disse Gerrard, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.