As aulas presenciais para o ensino fundamental estão autorizadas a partir desta semana, mas só para quem tem filhos matriculados em escolas particulares de Rondonópolis (210 km Cuiabá). O decreto de reabertura deve ser publicado no diário oficial do município, nesta segunda-feira (15). 

A autorização é válida para estudantes abaixo dos 12 anos de idade e poderá ocorrer de forma imediata. A decisão foi tomada em reunião, no sábado (13), do comitê local que avalia o andamento da crise sanitária no município. 

Conforme o grupo, a rede privada apresentou planos de contingenciamento com amostra das medidas a serem adotadas para a segurança dos alunos. O plano foi aprovado pela Vigilância Sanitária de Rondonópolis. 

Nas escolas públicas, o retorno também poderá ser aprovado se houver a apresentação de um plano semelhante. 

A decisão também estaria sustentada pela avaliação de pesquisadores da pandemia que participaram da reunião. Professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), o médico Rafael Mederi disse que estudos divulgados recentemente na Europa apontam para baixa taxa de contaminação entre crianças. 

O número de casos entre pessoas com idades entre 3 e 12 anos corresponderia a menos de 1% da taxa entre adultos. A chance de transmissão do vírus entre elas também seria bem menor que na fase adulta, cerca de 50% menor.