Todas as pessoas com covid-19 que não precisam de internação hospitalar devem ficar em isolamento em suas próprias casas para evitar a disseminação do coronavírus, segundo as recomendações da OMS (Organização Mundial de Saúde) e de autoridades de saúde de dezenas de países.

O ideal, se possível, seria que o paciente tivesse um espaço onde pudesse se isolar dos outros habitantes da casa durante 10 ou 14 dias — ou o tempo necessário dependendo da evolução dos sintomas. Se a pessoa tem febre alta, calor, calafrios, náuseas ou diarreia, o período de isolamento pode ser mais longo, de acordo com NHS (o serviço de saúde pública britânico).

Mas a realidade é que a grande maioria das pessoas mora em espaços compartilhados, sem um banheiro de uso exclusivo e muitas vezes dividindo o quarto.

A BBC explica resumidamente, em quatro gráficos, o que fazer em casas e apartamentos onde pessoas saudáveis dividem espaço com alguém que está contaminado com covid-19.

O avanço das pesquisas sobre a covid-19 mostra que os maiores riscos de contaminação estão em espaços fechados, onde as pessoas compartilham o mesmo ar, por isso se recomenda fortemente o uso de máscaras. Mesmo assim, ainda precisam ser tomados cuidados em relação à contaminação de superfícies se você divide a casa com alguém infectado com covid.

Circulação do ar

A porta do quarto onde a pessoa infectada dorme deve ser mantida fechada e as janelas sempre abertas, para que o ar circule. Se possível, mantenha o máximo de janelas abertas em todos os cômodos, dia e noite, para ampliar a circulação de ar.

gráfico no quarto

A pessoa que está doente deve fazer as refeições no quarto e todo o lixo que ela gerar — lenços, máscaras etc. — deve ser jogado em um lixo com um saco de lixo dentro e com tampa.

Se o paciente tiver que compartilhar o quarto com outra pessoa, busque colocar as camas com pelo menos dois metros de distância e, se possível, uma barreira física ao redor da cama do paciente — como uma cortina de chuveiro, um lençol pendurado etc.

Se houver apenas uma cama, quem compartilhá-la com o doente deve dormir em posição invertida, com a cabeça nos pés da cama.

Isolamento dos demais

Idealmente, as outras pessoas não devem entrar no quarto da pessoa que está doente. Se isso for absolutamente necessário, ambos devem usar máscaras, as janelas devem estar abertas e a pessoa que entrar deve usar luvas descartáveis ​​para manusear os pertences do paciente.

gráfico distancia

Refeições e todos as outras coisas que o paciente precisar devem ser deixados na porta para que outras pessoas recolham.

O banheiro

O ideal é não dividir o banheiro com o paciente. Se isso não for possível, é melhor que a pessoa infectada use o banheiro compartilhado depois que os outros o fizeram e, em seguida, limpe todas as superfícies em que tocou.

Se precisarmos usar o banheiro depois que a pessoa infectada o tiver usado, é melhor esperar o máximo de tempo possível.

gráfico banheiro

O paciente deve usar sua própria toalha, inclusive para secar a mão.

Se a pessoa com covid-19 tem banheiro próprio, mas não está em condições de limpá-lo, outras pessoas podem fazê-lo usando máscara e luvas descartáveis, mas somente se for absolutamente necessário.

Os objetos que a pessoa infectada toca

É importante não compartilhar objetos com o paciente.

É preciso separar usar pratos, talheres, copos etc. para o uso exclusivo da pessoa contaminada.

gráfico limpeza objetos

Depois do paciente usá-los, outra pessoa deve usar luvas descartáveis para lavá-los com detergente e água, se possível quente. Depois de fazer isso, a pessoa que lavou a louça deve lavar bem as mãos com sabonete por pelo menos 20 segundos.

Quanto às suas roupas ou lençóis sujos do paciente, é preciso manuseá-los com luvas, sempre usando máscaras, e nunca sacudi-los.

Eles podem ser lavados em água quente com as roupas dos demais membros da casa, devendo ser secos em máquina de secar em temperatura quente, se possível.

Ao terminar é sempre necessário lavar as mãos.