O prefeito Emanuel Pinheiro (DEM) jogou para a ‘plateia’ ao anunciar que irá descontar 1/3 do seu salário por conta da quarentena de 10 dias em Cuiabá.

Isso porque o gestor é aposentado há anos pelo extinto Fundo de Assistência Parlamentar (FAP). Emanuel aposentou antes dos seus 30 anos, e recebe mensalmente R$ 25.300 da referida aposentadoria.

Lembrando que Emanuel também recebia como prefeito mais R$ 25 mil de Verba Indenizatória. Só não está recebendo por uma liminar da justiça que suspendeu este benefício.