Olhar Direto

O deputado estadual Gilberto Cattani (PSL), mesmo tendo disputado uma eleição ao Senado, em 2020, em chapa opositora ao do deputado federal José Medeiros (Podemos), disse que pode sim apoiá-lo em 2022 em nova eleição, tendo em vista a antecipação favorável do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, a quem Cattani é seguidor ferrenho.

Na segunda-feira (19), a fala do presidente aconteceu em um diálogo com apoiadores sobre a estratégia da direita para as eleições de 2022. Um dos apoiadores pediu que a direita se unisse em torno de um só candidato para o Senado.

Bolsonaro respondeu: “Mato Grosso eu já tenho um candidato lá. É um deputado federal. Mas é da Polícia Rodoviária Federal também. É o Medeiros, mas tem que ver se ele vai se candidatar também“.

Em 2020, Cattani foi candidato suplente na chapa encabeçada por Reinaldo Moraes, o popular Rei do Porco. Porém, em recente entrevista à imprensa, ele disse que a ordem dada por Bolsonaro, será seguida por ele.

“O José Medeiros é um ferrenho defensor de Bolsonaro assim como nós. Sentimos confortável com a fala do presidente, principalmente pela ideologia que ele carrega. A questão partidária ainda tem tempo. Vamos até convidá-lo. O que vejo hoje é o Medeiros como uma pessoa fiel ao presidente”, declarou Cattani.

Para quem achava que poderia haver algum tipo de contradição ou resposta negativa, Cattani disse que esse é o momento da união da direita em Mato Grosso. Pra ele, coronel Fernanda foi uma candidata do passado, mas atual a escolha do presidente é pelo deputado federal Medeiros.

“Bolsonaro foi muito claro quanto a coronel Fernanda foi uma candidata que ele apoiou, mas não tinha compromisso futuro. Hoje apoio Medeiros por dois motivos: pelo que o presidente disse e depois pelas condutas do Medeiros, que são as que eu sempre apoiei”, disse o parlamentar.