Alberto Valentim não é mais técnico do Cuiabá — Foto: AssCom Dourado

Alberto Valentim não é mais o técnico do Cuiabá. Após o empate em 2 a 2 diante do Juventude, na estreia do Brasileirão, a diretoria comunicou oficialmente a demissão do comandante.

Foram 10 jogos no comando do Cuiabá, sete vitórias e três empates. Apesar de não ter derrotas, não venceu jogos decisivos como na segunda fase da Copa do Brasil – eliminado nos pênaltis para o 4 de Julho-PI -, e na estreia do Brasileirão.

Apesar do título mato-grossense invicto, o Cuiabá sofreu para superar o Operário na final. Com muito mais estrutura que os demais adversários, o Dourado não conseguiu se impor. Para a diretoria, a situação só se agravou com a estreia sem vitória diante do Juventude.

A demissão repentina do Valentim causou “teorias” e até circulou nas redes sociais que o técnico havia discutido e agredido o presidente do Cuiabá. Tudo desmentido em nota oficial pelo clube.

Luiz Fernando Iubel, auxiliar fixo do clube, assume interinamente. Ele iniciou a temporada comandando o time antes da chegada de Valentim.

Veja a nota oficial do clube

O Cuiabá comunica oficialmente a saída do treinador Alberto Valentim e seus auxiliares do comando do Cuiabá, após o empate em 2 a 2 com o Juventude, na estreia do Dourado na Série A. A Diretoria agradece o técnico pelos serviços prestados e deseja boa sorte no decorrer da carreira.